É uma técnica simples. Mediante a retirada de sangue da veia E SUA IMEDIATA APLICAÇÃO NO MÚSCULO, AUMENTA EM QUATRO VEZES O NÚMERO DE MACRÓFAGOS NO ORGANISMO. São os macrófagos QUE FAZEM A LIMPEZA DE TUDO, eliminando bactérias, vírus e câncer.
publicado por auto-hemoterapia | Terça-feira, 24 Maio , 2016, 18:43
Rozeli Bach publicou no grupo: Hemotérapia, O Sangue que Cura eu Faço! 
 
Preciso dar o meu depoimento de dois anos pra descobri pedra no rim meus rins tomado de pedras infecção direto 4 cirurgia e uma bactéria cada vez mais forte antibióticos era só na veia porque oral não tinha mais a bactéria tinha ficado resistente por não ter jeito de acabar com a infecção meus rim parando o médico decidiu q tinha q tirar o rim através de uma amiga soube da auto-hemoterapia comecei a fazer comecei a não sentir mais dor comecei a fazer exame depois de dois anos tomando antibióticos e não fazer efeito depois da hemoterapia fui fazer exame a bactéria não apareceu o médico pediu novos exames todos deu negativo tô livre da bactéria não tomo mais antibióticos voltei a viver NÃO TENHO DÚVIDA NENHUMA SE NÃO FOSSE A AUTO-HEMOTERAPIA TINHA PERDIDO MEUS RIM ESTARIA FAZENDO HEMODIÁLISE MEUS RIM COMEÇOU A FUNCIONAR DE NOVO GRAÇAS A DEUS E A HEMOTERAPIA 
 

30 de abril de 2016   


publicado por auto-hemoterapia | Segunda-feira, 23 Maio , 2016, 20:04
Artemiseño Waltmed publicou no Grupo Auto-hemoterapia meu sangue me cura. 
 
Paciente con acné que traté con Autohemoterapia y en sólo 2 seciones se vio la mejoria 
 
 
 
Artemiseño Waltmed 
 
https://www.facebook.com/artemiseno.waltmed</ div>
 
Apresentação 
 
Médico terapista del dolor na empresa Dr. Walter Lorente - Ozonomedic Ecuador 
Estudou na instituição de ensino ISCMH 
Mora em Quito, Ecuador 

        De Artemisa, Cuba  


publicado por auto-hemoterapia | Sexta-feira, 20 Maio , 2016, 18:08
Roberto Fraga da Silva comentou no grupo AMIGOS DA CURA, na foto de Walter Medeiros, 4 de maio, aniversário do Dr. Luiz Moura 
 
Roberto Fraga da Silva: A um ano faço o tratamento estava com início de cirrose e hepatite c fui curado da cirrose graças a esse médico brilhante que tenho profunda gratidão 
 
 

Sexta-feira, 6 de maio de 2016 


publicado por auto-hemoterapia | Terça-feira, 17 Maio , 2016, 16:35


Denise Strey comentou no grupo Auto-hemoterapia - Meu sangue me cura 
 
Sinto-me curada da síndrome do pânico. Hoje estou tendo uma vida normal novamente com apenas 9 aplicações . Nao desistas que terás êxito! Podes crer! Abraço! 
 
 


publicado por auto-hemoterapia | Quinta-feira, 12 Maio , 2016, 17:09
Marion Boebel publicou em Auto-hemoterapia Testemunhos: 
 
10 de maio de 2016 
 
Hoje é um dia especial e foi este dia que escolhi para testemunhar ... Há exatos 360 dias atrás eu fui internada na UTI diagnosticada com uma tromboembolia pulmonar cronica e aguda... fiquei 7 dias na UTI lutando para retornar à vida, quando eu não podia nem me virar na cama, pois até isso me cansava e mais 29 dias no quarto, me recuperando aos poucos. Desde esta época até hoje, estou em tratamento com profissionais que foram verdadeiros anjos colocados em minha vida por Deus. Esta embolia pulmonar me trouxe ainda uma consequencia que foi a hipertensão pulmonar grave, classe 4. Desde setembro estou em tratamento com sildenafil. A hipertensão pulmonar é uma doença que não tem cura, exceto a que aconteceu comigo, causada pela embolia, que pode ser corrigida ou curada com cirurgia pulmonar. Esta é a fase em que estou, pois estou em avaliação para cirurgia, para que pudesse voltar a ter uma vida normal. Além disso, a hipertensão causa o aumento do lado direito do coração. Faz uns dois meses que Deus usou um anjo chamado Sandra Mara, que me enviou uns videos do Dr. Luiz Moura, explicando a auto hemoterapia. Amanhã farei minha sexta aplicação. E olha o que me aconteceu.... Hoje fui fazer um ecocardiograma para controle. E o meu coração está normal.... gente, completamente normal.... sem aumento do lado direito, sem pressão alta.... NORMAL. A felicidade hoje não cabe no peito... transborda... Eu sei que preciso mais, mas tenho plena fé que além do meu coração, que a auto hemoterapia já curou, tb vai curar meu pulmão, tirando os coágulos que acabaram ficando lá...e eu não precisarei mais fazer a cirurgia. Ainda farei mais exames para confirmar e quando isto acontecer, voltarei a testemunhar. Me coloco a disposição para lutar por esta causa, sempre, porque hoje eu sei que O MEU SANGUE ME CURA!!!! Deus é maravilhoso e faz as coisas perfeitas. Obrigado a todos os anjos (minha familia se inclui) que fazem parte da minha vida, que choram e se alegram comigo ....Amo todos vocês!! 
 
80 curtidas 24 comentários 19 compartilhamentos 
 
 
 
Postado em 11 de maio de 2016 

 


publicado por auto-hemoterapia | Segunda-feira, 09 Maio , 2016, 18:56
Contra um governo omisso e irresponsável

Brasileiros formam grupos populares para multiplicar aplicadores de auto-hemoterapia  
 
O primeiro grupo formado especialmente para capacitar outros aplicadores populares de auto-hemoterapia no Brasil está criado: foi treinado no Patrimônio da Penha (Caparaó Capixaba), no Espírito Santo, neste sábado (07/05/2016).  
 
O treinamento dos 19 participantes, realizado durante toda a manhã, foi conduzido pelo dr. Antonio Chiesa, de 78 anos, sanitarista, biólogo e farmacêutico. Ele atendeu a solicitação da comunidade, e realizou a atividade voluntariamente. Também recusou o reembolso do gasto com o seu transporte e o material.  
 
A maior parte dos treinandos se comprometeu a ensinar o que aprendeu à outras pessoas, formando grupos populares de aplicadores. O grupo irá aplicar uma técnica que cura fortalecendo o organismo: aumenta a imunidade em quatro vezes. A auto-hemoterapia foi usada pela primeira vez na década de 90 do século XIX, e é usada livremente em todo o mundo.  
 
Contudo, os brasileiros não podem mais receber a auto-hemoterapia nas unidades de saúde, nem orientação profissional para seu uso. Em ato criminoso, que fere a própria Constituição Federal, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e os Conselhos Federais de Medicina (CFM), de Enfermagem (Cofen) e de Farmácia (CFF) proibiram a auto-hemoterapia em 2007, depois de 109 anos de uso livre no Brasil. 
 
A decisão de capacitar pessoas da comunidade como aplicadores de auto-hemoterapia surgiu como reação à proibição arbitrária, depois de discussão de moradores da região, que foram ou são usuários, mas encontram dificuldades em encontrar pessoas que apliquem. 
 
A formação de aplicadores populares de auto-hemoterapia é defendida por muitos especialistas. O pessoal assim qualificado atenderia às pessoas em locais de difícil acesso, seja em regiões como a Amazônia, ou em países da Africa e da Ásia. Ou, ainda, no caso de uso continuado na própria família, para tratamento de doenças cronicas e degenerativas. 
 
Os atores 
 
O sanitarista Antonio Chiesa conheceu a auto-hemoterapia ainda jovem. Aplicou a técnica por ordem médica, como auxiliar do médico da cidade onde morava, e como prático de farmácia. Tinha então menos de 20 anos e aplicou a auto-hemoterapia durante muitos anos. Mas a técnica caiu no esquecimento dos profissionais de saúde, em ação orquestrada pelos laboratórios farmacêuticos transnacionais. Para vender mais remédios e lucrar mais, divulgavam que a técnica era ultrapassada. 
 
Com a divulgação do DVD com a entrevista do dr. Luiz Moura ( https://www.youtube.com/watch?v=N-dmpGfkKN0 ) na internet, o sanitarista Antonio Chiesa não só redescobriu o tratamento, como passou a usá-lo. Os resultados em si, o salvado de grave doença, o levou a retomar as aplicações na região da Grande Vitória, onde mora. Já fez mais de 50 mil aplicações da técnica. Este conhecimento o tornou divulgador da auto-hemoterapia onde pode.
 
O pedido a ele para o treinamento foi apresentado pela comunidade, após discussão sobre como oferecer a auto-hemoterapia aos moradores, até que a auto-hemoterapia seja liberada para os profissionais de saúde que fazem Ciência, estudam e conhecem a técnica. Para isto, os brasileiros terão que vencer o ato criminoso da proibição pela Anvisa e pelos Conselhos profissionais de Saúde. 
 
O Cenário  
 
O Patrimônio da Penha, no município de Divino de São Lourenço, no Caparaó Capixaba, é uma pequena comunidade com menos de 1.000 habitantes. É localizado a 258 quilômetros de Vitória (acesso por ônibus a partir de Guaçui).  
 
É livre da poluição do ar, com água pura (a água entregue a população não é tratada). A vegetação de mata atlântica é rica, embora as plantações de eucalipto estejam se alastrando na região, com omissão total do poder público, o que é um crime. Apesar do uso intenso de agrotóxicos na região, Patrimônio da Penha é considerado um local de cura. 
 
Espiritualismo e cura 
 
Buscando práticas que curam, para o Patrimônio da Penha convergem pessoas de todo o país e muitas do exterior. Especialistas das mais diversas áreas, com formação completa pela via acadêmica ou popular, trabalham nas áreas de homeopatia, acupuntura, fitoterapia. Muitos buscam o aperfeiçoamento para a pratica da medicina quântica.  
 
Reiki, massoterapia, cambô, Viver de Luz, entre outros caminhos para a cura, têm orientadores em Patrimônio da Penha. Há muitos usuários de urinoterapia. Uma especialista em medicina ayurveda acaba de se mudar para o local. 
 
A espiritualidade é manifesta principalmente pela Doutrina do Santo Daime, que tem Igreja no Patrimônio da Penha. 
 
O caminho  
 
Os praticantes de auto-hemoterapia capacitados no sábado em Patrimônio da Penha têm orientação para aprofundar os estudos teóricos, ao mesmo tempo que realizam as aplicações, se aperfeiçoando no emprego da técnica. Para isso foram apresentados os cuidados especiais de biossegurança que devem empregar. 
 
Além do conteúdo divulgado pela dr. Luiz Moura, foi mostrado a importância de que os treinandos estudem o texto do dr. Jésse Teixeira, de 1940, com o título "Complicações Pulmonares Pós-Operatórias  
http://www.rnsites.com.br/artigo_jesse_teixeira.pdf& nbsp;) ; "Imunoterapia: O impacto médico do século", do dr. Ricardo Veronesi ( http://www.rnsites.com.br/artigo_ricardo_veronese.pdf ).
 
Também recomendado o estudo de publicações recentes sobre pesquisas em auto-hemoterapia, como: " Abstract 
J Altern Complement Med. 1997 Summer;3(2):155-8. 
Successful treatment of herpetic infections by autohemotherapy. 
Olwin JH1, Ratajczak HV, House RV. 
Author information 
 
Abstract 
 
 
Herpes zoster (shingles) affects a significant number of individuals over age 50. To date, no satisfactory treatment has been available. The clinician author (JHO) witnessed a dramatic response of a shingles patient to autohemotherapy: the pain was completely relieved and lesions gone within 5 days with no recurrence of either. Treatment of other herpetic patients then began with autohemotherapy. Twenty-five patients with herpes were given an autologous blood transfer of 10 mL of blood from the antecubital vein into the gluteal bundle and followed for clinical signs. A 100% favorable response occurred in 20 patients who received autohemotherapy within 7 weeks of the onset of clinical signs and 1 other who received autohemotherapy at a 9-week interval. No untoward signs or symptoms of the treatment occurred. Autohemotherapy has been demonstrated to be effective in elimination of clinical sequelae in these cases of herpes infections and these results justify further rigorous clinical investigation. 
 
PMID: 
9395705 
[PubMed - indexed for MEDLINE] 
 
----------------------------------------------------------------- --- 
 
ANNALES DE DERMATOLOGIE ET DE VÉNÉRÉOLOGIE 
 
Autohémothérapie locale dans l'angiodermite nécrotique : étude pilote - 29/04/08 
Doi : AD-03-2005-132-3-0151-9638-101019-200513131  
D. Courivaud [1], 
M. Ségard [1], 
S. Darras [1], 
O. Carpentier [1], 
P. Thomas [1] 
 
----------------------------------------------------------  
 
Livros no Google Play 
Praxis der Eigenbluttherapie 
 
Harald Krebs 
Elsevier,Urban&FischerVerlag, 2008 - 166 páginas 
 
--------------------  
 
AUTOHEMOTHERAPY REFERENCE MANUAL 
Definitive Guide and Historical Review 
From Bloodletting to Stemcells 
[Table of Contents] 
A technical report by 
S. Hale Shakman 
 
Autohemotherapy as the ultimate simple, safe and proven autovaccine, and a most essential integrative concept within a broad historical context encompassing bloodletting, bone-marrow transplantation, autotherapy, vaccine-therapy, and alternative medicine; comprehensive review of the history of autologous therapy for cancer; 
indexed excerpts from the historical autohemotherapy literature on a range of topics and diseases. 
ISBN/EAN13:1453600752 / 9781453600757; Page Count 294; Binding Type:US Trade Paper; Trim Size:8" x 10"  
 
 
Três dos títulos têm tradução para o português. Todos mostram que a produção científica sobre o tema está em pleno andamento, contrariando as mentiras da Anvisa e dos médicos, enfermeiros e farmacêuticos que rejeitam a técnica por ignorância ou preguiça de estudá-la. 
 
Sugestão  
 
O dr. Antonio Chiesa também sugere o estudo das variações da auto-hemoterapia clássica. Algumas delas, por gerarem lucros para os profissionais de saúde, são realizadas pelos médicos e até incentivadas pelo governo. Em todos os casos os resultados de cura são os mesmo da auto-hemoterapia clássica, divulgada pelo dr. Luiz Moura. 
 
São: "Plasma Rico em Plaquetas (PRP)” como se vê na Revista do Colégio Brasileiro de Cirurgiões, vol.33 no.1 Rio de Janeiro Jan./Feb. 2006. No endereço http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0100-69912006000100 007&scr...
 
“O PRP, que consiste na injeção do próprio sangue do atleta nas áreas atingidas, acelera a cura de traumas e lesões em músculos e tendões” http://busca.globo.com/Busca/?query=Plasma%20Rico%20em%2 0Plaquetas mostra várias reportagens sobre o tema.
 
Quem faz? Ronaldinho fenômeno, jogador, Cláudia Raia, Tarcisio Meira e esposa, etc.  
Ver em "DOPING  
Técnica aprovada  
 
Novidade na lista de substâncias proibidas que a Agência Mundial Anti-doping divulgará em breve. O plasma rico em plaquetas será liberado para uso em atletas, a partir de 1º de janeiro de 2011. O tratamento consiste em injetar nas lesões uma concentração de células reparadoras extraída do próprio sangue da pessoa. O PRP cicatrizante já foi usado por artistas como Claudia Raia, Glória Menezes e Tarcísio Meira."  
 
 
 
----------------------------------------------------------------- ------------------------  
 
Outra técnica derivada da auto-hemoterapia clássica: Ozonioterapia. Ver no endereço da Associação Brasileira de Ozonioterapia (ABOZ)http://www.aboz.org.br/Web/secoes_site.asp?id=7
Famosos que fazem: Pelé e Pepeu Gomes.  
 
 
-------------------------------------------------------------  
Auto-hemoterapia na Homeopatia. Ver no endereço http://www.escoladehomeopatia.org.br/lê-se&nbs p;em uma de suas páginas:
"Licínio Cardoso (RJ)  
Em 1923 cria a isopatia sanguínea ou auto-hemoterapia por via ...”  
 
-------------------------------------------------------------  
 
Há, ainda, a auto-hemoterapia a partir do método criado pelo dr. Jorge González. O site da Associação Mexicana para o Diagnóstico e Tratamento das Doenças éhttp://autohemoterapia.com/ e e, dos argentinos, http://autohemoterapia.4t.com/
 
No site são ensinadas as doses de auto-hemoterapia em crianças.  
 
--------------------------------------------------------------&nb sp;
 
Outra técnica derivada da auto-hemoterapia clássica: Tampão Sanguíneo Peridural  
“Nota de esclarecimento  
 
Em face de falha na redação do artigo “Auto-hemoterapia não tem eficácia comprovada” no Jornal Medicina (XXII, 167, DEZ/2007, p.11), esclarecemos que o procedimento terapêutico denominado “tampão sangüíneo peridural” é cientificamente amparado por relevante literatura médica e remetemos o leitor ao texto que trata dessa matéria no Parecer CFM 12/07.”  
 
O texto citado acima está na página do editorial do jornal do Conselho Federal de Medicina (CFM)http://www.portalmedico.org.br/JORNAL/Jornais2008/Jan/pa g5.html
 
Veja ainda: "Tampão Sangüíneo Peridural: Um Método a Ser Absolvido", transcrito no endereçohttp://www.rnsites.com.br/tsperidural.pdf
 
Um relato de cura 
 
Durante o treinamento foi colocado à disposição dos alunos o depoimento abaixo, produzido a pedido. 
 
DEPOIMENTO 
 
Era início dos anos 50, eu estava com seis anos e adquiri um eczema brabo, que me tomou toda a parte posterior de ambas as coxas. Lembro do tratamento convencional com pomadas, e que eu ia para o jardim da infância com as pernas cobertas por gaze e esparadrapo. 
 
Na minha lembrança, aquela fase prolongou-se por um tempo sem fim, até que o médico da família, doutor Mário Monjardim, do Rio de Janeiro, indicou um tratamento fora do convencional, com meu próprio sangue. 
Começaram, assim, seguidas idas à farmácia para a coleta do sangue e aplicação no músculo. 
 
Minha mãe conta que o programado seria começar com 1cm de sangue, chegando até 10cm. Mas não foi preciso complementar a série, pois minha melhora foi observada logo de início, e evoluiu para a cura total. 
 
Há alguns anos, ao tomar conhecimento da “novidade” da auto-hemoterapia, reconhecemos, eu e minha mãe, o tratamento que nos fora indicado em 1950 por um profissional sério e aberto a conhecimentos não institucionalizados. 
 
Mirian da Silva Cavalcanti 
RG – 1875062-0/ Instituto Félix Pacheco 
 
“Carioca, vivo desde 1993 em pequena vila do interior do Espírito Santo. Aqui no ES participei da criação de uma ong ambientalista, e venho atuando nessa área há 23 anos, especialmente no tocante à educação ambiental para crianças e jovens. 
 
Graduada em Serviço Social pela Uerj (então UEG), estou aposentada, e desde 2010 venho me dedicando à literatura, já tendo livros publicados — de ficção e infantojuvenil.” 
 
 
O autor é jornalista. 
Ubervalter Coimbra 
65 anos 
- Patrimônio da Penha - Caparaó Capixaba
 
Publicado em 9 de maio de 2016 
 

http://hemoterapia.org/informacoes_e_debate/ver_opiniao/contra-a-proi bicao-da-anvisa-do-cfm-e-cofen-brasileiros.asp  


publicado por auto-hemoterapia | Quarta-feira, 04 Maio , 2016, 20:55
Quarta-feira, 4 de maio de 2016 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
GRATIDÃO ETERNA!!!! 
 
Neste 4 de maio, dia do aniversário do ilustre dr. LUIZ MOURA, muitas homenagens estão sendo publicadas no Facebook: 
 
Walter Medeiros postou uma foto: 
 
4 de Maio. PARABÉNS DR. LUIZ MOURA 
 
O Brasil lhe agradece por divulgar a Auto-hemoterapia 
 
FELIZ ANIVERSARIO 
 
 
----------------------------------------------------------------- -
 
Ida Zaslavsky adicionou 3 novas fotos. 
 
13 h · Florianópolis, SC ·  
 
Dia 04 de Maio 
Dia do Guardião da Auto-Hemoterapia, Dr Luiz Moura, junto com dra Vera Moura, acenderam e preservaram a chama da Vitalidade. 
É uma honra e alegria imensa fazer parte dessa trajetória junto com eles. 
Felicidades!!!!!!!!!!! 
 
Publicado por Fetha em 

http://hemoterapia.org/informacoes_e_debate/ver_opiniao/gratidao-eter na-neste-4-de-maio-dia-do-aniversario-do.asp

 ------------------------------------------------------------- -----------------------------------------

Veja a íntegra do video do dr. Luiz Moura em português e, em versão com subtítulos em espanhol e inglês:

  • Auto-hemoterapia – Conversa com Dr. Luiz Moura Auto-hemoterapia, falado em português. Um médico compartilha sua experiência clínica. Fala de um recurso terapêutico de baixo custo, simples, que se resume em retirar sangue de uma veia e aplicar no músculo, quadruplicando os macrófagos e estimulando a defesa imunológica em todo organismo. Português.
  • Auto-hemoterapia integral, em português, con subtítulos en español Autohemoterapia, subtitulos en español: la Autohemoterapia es una técnica sencilla, en que mediante la extracción de sangre de la vena y su aplicación en el músculo, esta estimula un aumento de los macrófagos, que son digamos así, la compañía de limpieza del organismo. Los macrófagos hacen la limpieza de todo. Eliminan las bacterias, los virus, las células neoplásicas o cancerosas. Hacen una limpieza total, eliminando inclusive la fibrina, que es la sangre coagulada.
  • Auto-hemotherapy - Talking to Dr. Luiz Moura Auto-hemoterapy - subtitles in english: today, through the study of immunology, we know that macrophages account for several body functions such as the destruction of bacterias, viruses, immune complexes and neoplasic cells. They also eliminate excess cholesterol, steroids and fibrin as well. Thus, to summarise, by stimulatin an increase of macrophages through autohemotherapy, we can speed up the cure of virus or bacterial infections, lower cholresterol, cure arterioscleroses and diseases caused by blood clotting in the arteries, such as infarcts and thromboses. It is a pity that auto-hemotherapy being such a simple and harmless therapeutic method was abandoned when antibiotics appeared on the scene as a panacea that became widely known as the cure for a all deseases.

publicado por auto-hemoterapia | Terça-feira, 03 Maio , 2016, 18:12
Inicialmente sugerimos uma leitura no site que mantemos sobre imunoterapia, o qual oferece uma visão geral do assunto:
 
Por incrível que pareça, o Portal Médico do CFM resolveu reforçar a opinião de que a aht não teria eficácia e o que se vê no próprio espaço dele é um desfile de centenas de pessoas mostrando que a técnica é eficaz:
 
Artigo do Dr. Luiz Moura seria um com começo do estudo científico - http://www.rnsites.com.br/aht_luiz_moura.pdf
 
O artigo do Dr. Jessé Teixeira é outro documento importante - http://www.rnsites.com.br/artigo_jesse_teixeira.pdf
 
Segue-se artigo do Dr. Ricardo Veronesi - http://www.rnsites.com.br/artigo_ricardo_veronese.pdf
 
Artigo nosso mostra contradição do CFM - http://www.rnsites.com.br/auto-hemoterapia-tsp.htm
 
Pesquisa da Fiocruz utiliza camundongos - http://www.rnsites.com.br/auto-hemoterapia-incremento.htm&hellip;
 
Médica do Piauí pesquisa com animais - http://www.rnsites.com.br/auto-hemoterapia-pi.htm
 
Globo rural recomenda auto-hemoterapia - https://www.youtube.com/watch?v=vT2qghnE98g
 
Globo esporte – Plasma Rico em Plaquetas - https://www.youtube.com/watch?v=nUfe4VNcqmI
 
O Congresso veterinário 2013, realizado em Natal teve trabalhos que certamente serão úteis, pelo conteúdo e atualidade -http://www.rnsites.com.br/autohemoterapia.htm&hellip;
 
Localizei também experiência com cadela em Goiás, que mostra o sucesso da auto-hemoterapia em câncer -http://www.rnsites.com.br/auto-hemoterapia-cadela.htm
 
Os arquivos desse grupo também acrescente muitas informações importantes. 
Saúde! 
 
Texto produzido por  ‎Walter Medeiros‎ para Auto-hemoterapia - Meu sangue me cura  em Domingo, 1 de maio de 2016 
 
 
Republicado em
http://hemoterapia.org/informacoes_e_debate/ver_opiniao/8206walter- medeiros8206-para-auto-hemoterapia-meu-sangue-me-5.asp

publicado por auto-hemoterapia | Sexta-feira, 29 Abril , 2016, 18:10
Elci Teresinha Uhmann comentou no Grupo Auto-hemoterapia - Meu sangue me cura:
 
Faço há seis meses, parei com tda medicação convencional de bronquite e artrose, tomava anti-inflamatórios direto, não sinto mais dores e me sinto renovada, incrível como melhorei, no meu corpo eu mando faço sim e nunca mais vou parar. Não custa nada e não tem contra - indicação. É que não há retorno para indústria química, por isso são contra.
 
Descurtir · Responder · 4 · 25 de abril às 09:50
 
-------------------------------- 
 
Regina Silveira · Enfermagem em HOSPITAL SANTA CASA, comentou em Auto-hemoterapia divide opinião de especialistas e autoridades de saúde no Brasil: 
 
Eu tinha sinusite severa,comecei fazendo por semana e nunca mais tive sinusite
 
Curtir · Responder · 21 de março de 2016 21:51
 

http://sites.uai.com.br/app/noticia/saudeplena/noticia s/2014/04/15/noticia_saudeplena,148317/auto-hemote rapia-divide-opiniao-de-especialistas-e-autoridade s-de-saud.shtml 


publicado por auto-hemoterapia | Quarta-feira, 13 Abril , 2016, 13:44
"Eu considero a AUTO-HEMOTERAPIA (AHT), a forma mais perfeita de IMUNOTERAPIA, pois vem a ser uma IMUNOTERAPIA NATURAL. E, o que vem a ser mais importante para milhões de pessoas, é uma TERAPIA de baixíssimo custo". A afirmação é do médico brasileiro Jorge Martins Cardoso, pesquisador e defensor da auto-hemoterapia.
O médico fez a afirmação em artigo onde analisa informações de seminário com participação de pesquisadores e empresas multinacionais de produtos farmacêuticos, que discutiram imunoterapia, considera a mais promissora forma de tratar doenças, como o cancro (câncer). 
O artigo faz parte de uma série que notabilizou Jorge Martins Cardoso em seu país: o Brasil é o único país do mundo que proibe a auto-hemoterapia, decisão tomada após 109 anos de uso livre da técnica. O crime contra os brasileiros foi praticado em 2007, no governo Lula da Silva e foi mantido pela atual presidente, Dilma Rousseff.
A decisão de proibir a auto-hemoterapia no Brasil foi tomada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e pelos conselhos profissionais de saúde, à frente o Conselho Federal de Medicina (CFM), unicamente para favorecer a venda de remédios pelos laboratórios transnacionais de saúde.  A população luta contra a proibição.
    
AUTO-HEMOTERAPIA, Dr. Fleming e os antibióticos...
Artigo Extra.
Folha de S. Paulo – Nova aposta contra o CÂNCER pode ser aprovada em cinco anos, diz laboratório.
Mesa “Imuno-Oncologia: Avanços e Obstáculos”.
Por ANDREA VIALLI.
Colaboração para a Folha de S. Paulo.
30 de março de 2016 – 14 horas e 46 minutos.
Menos agressiva para o ORGANISMO, a IMUNOTERAPIA é a grande promessa para o TRATAMENTO do CÂNCER nos próximos anos, principalmente se combinada a outras técnicas, como a quimioterapia e a terapia alvo.
Mas, para que essa nova fronteira esteja acessível aos pacientes, O Brasil precisa derrubar barreiras em relação à pesquisa clínica e aprovação dos medicamentos, segundo especialistas que participaram do fórum “O Futuro do Combate ao CÂNCER”, promovido pela Folha de S. Paulo, com patrocínio dos laboratórios Bistol-Myers Squibb e MSD.
“A expectativa é que em cinco anos tenham sido aprovados no Brasil medicamentos para tratamento de CÂNCER de pulmão, rins e melanomas”, afirma Luciana Fanti, Diretora MÉDICA de Oncologia do laboratório MSD, uma das indústrias que estão na corrida pelo desenvolvimento de novas drogas IMUNOTERÁPICAS, com 120 pesquisas em andamento em todo o mundo.
A IMUNOTERAPIA é considerada REVOLUCIONÁRIA porque busca FORTALECER o SISTEMA IMUNOLÓGICO para que ele passe a combater o CÂNCER – PRINCÍPIO BEM DIFERENTE da quimioterapia, cujos medicamentos agem para matar as células cancerígenas, mas acabam ANIQUILANDO também CÉLULAS SAUDÁVEIS.
A IMUNOTERAPIA estimula as CÉLULAS de DEFESA do ORGANISMO a combater as células do câncer, utilizando para isso substâncias MODIFICADORAS da resposta BIOLÓGICA.
“O SISTEMA IMUNOLÓGICO não tem uma arma só. Ele tem um ARSENAL, como os LINFÓCITOS, os MACRÓFAGOS e as substâncias que as células produzem para atingir as CÉLULAS ANORMAIS”, explica Marcelo Cruz, Oncologista do Centro de Oncologia Antônio Ermírio de Moraes, ligado à Beneficência Portuguesa.
Além disso, o SISTEMA de DEFESA do ORGANISMO possui MEMÓRIA. Por isso, algumas VACINAS tomadas na infância ainda surtem efeito na vida adulta.
Na IMUNOTERAPIA, isso é EFICAZ porque caso o CÂNCER “drible” o tratamento convencional, o SISTEMA IMUNOLÓGICO pode recorrer à MEMÓRIA para continuar combatendo as CÉLULAS CANCERÍGENAS.
Os ensaios clínicos randomizados nos Estados Unidos e Europa têm demonstrado que a IMUNOTERAPIA traz bons resultados em CÂNCERES agressivos, como melanomas e CÂNCERES de pulmão.  
No cenário internacional, o Brasil está atrasado na corrida das pesquisas clínicas envolvendo a IMUNOTERAPIA, pois requer aprovação tripla para a liberação de um novo medicamento: a primeira fase passa por um Comitê de Ética em Pesquisa (CEP), depois pela Comissão Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP) e depois é submetida à ANVISA. 
A aprovação de novos medicamentos leva em média de 10 a 14 meses, enquanto nos Estados Unidos o processo dura cerca de 45 dias.
No Brasil, já foi aprovado e pode ser usado o Yervoy, contra melanoma, e o Opdivo, contra melanoma e CÂNCER de pulmão, deve chegar ao país neste ano.
“A dificuldade de acesso dos pacientes só pode ser quebrada com a pesquisa clínica, que oferece oportunidade a tratamento de ponta. Os desafios burocráticos ainda são grandes, mas o potencial é enorme”, diz Fábio Franke, coordenador do Centro de Alta Complexidade em Oncologia do Hospital de Caridade de Ijuí.  
Com um centro de alta complexidade, a pequena cidade no interior do Rio Grande do Sul tornou-se referência para a pesquisa clínica em oncologia, com 94% dos pacientes vindos do SUS.
No Brasil, além da demora na aprovação das drogas, o preço do tratamento será outro desafio a ser enfrentado.
“O acesso é o maior desafio e o preço do medicamento, uma das variáveis desse desafio”, diz Luciana Fanti, do laboratório MSD. Segundo ela, os preços dos medicamentos passam pelo crivo da ANVISA, com base no valor praticado em outros países. No caso de compras públicas, também é feita uma negociação específica com o governo. 
Além da negociação dos preços, outra estratégia para ampliar o acesso é avaliar que pacientes podem se beneficiar mais do tratamento, já que algumas drogas podem ser eficazes para 20% dos pacientes de um determinado CÂNCER, mas não funcionar para os demais 80%.
Os estudos vêm demonstrando que a IMUNOTERAPIA é EFICAZ não só no tratamento de CÂNCERES sólidos, mas também HEMATOLÓGICOS, o que amplia seu raio de utilização. “Hoje as pesquisas clínicas são conduzidas de modo a contemplar um grande número de CÂNCERES, com respostas até então nunca atingidas”, diz Angélica Dimantas, Diretora MÉDICA de IMUNO-ONCOLOGIA do laboratório BMS Brasil.
A redução dos efeitos colaterais, quando comparados ao de um tratamento quimioterápico é outra vantagem da IMUNOTERAPIA. 
Segundo Fábio Franke, do Hospital de Caridade de Ijuí, os ensaios realizados em pacientes acometidos por melanomas e CÂNCER de pulmão apontam para uma grande melhora da qualidade de vida dos doentes quando submetidos à IMUNOTERAPIA, em comparação com os efeitos da quimioterapia.
“Eles ficam menos debilitados e NÃO APRESENTAM QUEDA DE CABELO, nem náuseas. Temos visto um controle da doença com recuperação da vitalidade”, diz. 
Apenas 1% dos pacientes apresenta algum efeito colateral mais grave decorrentes de respostas do SISTEMA IMUNOLÓGICO, aponta o pesquisador.
 
Observações do escriba:
1ª – O assunto não é novidade para nós. Em 1976, o médico e cientista Dr. Ricardo Veronesi, publicou um esclarecedor artigo científico intitulado: - IMUNOTERAPIA: O Impacto Médico do Século.
2ª – O médico e cientista Dr. Luiz Moura, através de um DVD, faz didaticamente uma análise comparativa entre os trabalhos do Dr. Ricardo Veronesi (que é de 1976) com o trabalho científico do Dr. Jésse Teixeira, que é intitulado “AUTO-HEMOTRANSFUSÃO na Prevenção de Complicações Pulmonares Pós-Operatórias” (que é de 1939), e chega à convincente conclusão de que os dois trabalhos científicos se completam.
3ª – Nos trabalhos dos médicos e cientistas brasileiros Dr. Jésse Teixeira, Dr. Ricardo Veronesi e Dr. Luiz Moura as células de defesa do nosso ORGANISMO conhecida como MACRÓFAGOS, são mencionados. Na recente reportagem da Folha de S. Paulo, o médico Marcelo Cruz, Oncologista Clínico do Centro de Oncologia Antônio Ermírio de Moraes diz: “O SISTEMA IMUNOLÓGICO não tem uma arma só. Ele tem um ARSENAL, como os LINFÓCITOS, os MACRÓFAGOS e as substâncias que a célula produz para atingir as CÉLULAS ANORMAIS”.  
4ª – Nos trabalhos dos médicos e cientistas Dr. Ricardo Veronesi e Dr. Luiz Moura, as expressões SISTEMA IMUNOLÓGICO, SISTEMA RETÍCULO ENDOTELAL e/ou SISTEMA RETÍCULO HISTIOCITÁRIO é mencionado várias vezes, bem como o vocábulo MACRÓFAGOS. Na recente reportagem da Folha de S. Paulo, a expressão SISTEMA IMUNOLÓGICO aparece algumas vezes, bem como a palavra IMUNOTERAPIA.
5ª – O médico e cientista Dr. Luiz Moura é um fervoroso defensor da AUTO-HEMOTERAPIA (AHT), uma terapia COMPLEMENTAR que ele aprendeu com o seu pai por volta de 1943. O pai de Dr. Luiz Moura era cirurgião. Seguindo os ensinamentos de seu pai, para quem não sabe, Dr. Luiz Moura atuou inicialmente como cirurgião durante 20 anos aproximadamente. Após este período dedicou-se a Clínica Geral, até completar os 90 anos de idade. São mais de 70 anos de experiência no tema da AUTO-HEMOTERAPIA (AHT). 
6ª – Eu considero a AUTO-HEMOTERAPIA (AHT), a forma mais perfeita de IMUNOTERAPIA, pois vem a ser uma IMUNOTERAPIA NATURAL. E, o que vem a ser mais importante para milhões de pessoas, é uma TERAPIA de baixíssimo custo.    
7ª – Vamos repetir mais uma vez o que foi publicado recentemente na Folha de S. Paulo: - O Médico Marcelo Cruz disse: “O SISTEMA IMUNOLÓGICO não tem uma arma só. Ele tem um ARSENAL, como os LINFÓCITOS, os MACRÓFAGOS e as substâncias que a célula produz para atingir as CÉLULAS ANORMAIS”.
A luta contra a debilitante POLIOMIELITE (paralisia infantil) continua, e, a luta a favor da inofensiva AUTO-HEMOTERAPIA (AHT), também continua. 
Se DEUS nos permitir voltaremos outro dia ou a qualquer momento. Boa leitura, boa saúde, pensamentos positivos e bom dia.
Aracaju, capital de Sergipe (ex PAÍS do FORRÓ e futuro “PAÍS da BOMBA ATÔMICA”), segunda-feira, 11 de abril de 2016.
Jorge Martins Cardoso – Médico (e futuro BANQUEIRO) – CREMESE – 573.
Fontes: (1) – Google. (2) – Yahoo. (3) – E-mail. (4) – Folha de S. Paulo – 30 de março de 2016 – Por ANDREA VIALLI.     
 

mais sobre mim
Maio 2016
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
13
14

15
16
18
19
21

22
25
26
27
28

29
30
31


pesquisar neste blog
 
Visitantes
blogs SAPO
subscrever feeds